Loading...

segunda-feira, outubro 11, 2010

COMENTARIO DA MISSA PARA A CRISMA

PARÓQUIAS SÃO JOÃO MARIA VIANNEY E SANTA MARGARIDA MARIA.


----------------------------------------------------------------------

Solenidade da Crisma – Região de Taboão da Serra

Diocese de Campo Limpo / Catedral Sagrada Família

----------------------------------------------------------------------

Com. Reunidos e unidos na mesa da Palavra e da Eucaristia celebramos hoje a unção com o Santo Crisma destes nossos irmãos e irmãs que receberão a efusão plena do Espírito Santo por meio da imposição das mãos de nosso Bispo Dom Luiz. A Crisma é sacramento de adultos de pessoas responsáveis que querem confirmar sua fé em Cristo.

Vamos em pé acolher com carinho o presidente desta celebração D. Luis e concelebrantes.

1 – Canto de Entrada

2 – Acolhida (Bispo)

3 – Ato Penitencial

4 – Hino de Louvor

5 – Oração da Coleta

BISPO: Oremos: Deus de bondade realizai em nós vossas promessas, para que a vinda do Espírito Santo nos torne perante o mundo testemunhas do Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo. Que convosco vive e reina na unidade do Espírito Santo.
AS.: Amém

6 - 7 - Liturgia da Palavra

7. 1 – Com. A primeira leitura é do livro do profeta Isaías. Deus envia seu Espírito sobre seus eleitos para que comuniquem a Boa Nova que gera vida.

Primeira Leitura (Is 61, 1-3a.6a.8b-9)
Leitura do Livro do Profeta Isaías
O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor
me ungiu; enviou-me para dar a boa nova aos humildes,
curar as feridas da alma, pregar a redenção dos cativos e a
liberdade para os que estão presos; para proclamar o tempo
da graça do Senhor e o dia da vingança do nosso Deus; para
consolar todos os que choram, para reservar e dar aos que
sofrem por Sião uma coroa, em vez de cinzas, o óleo da
alegria, em vez da aflição. Vós sois sacerdotes do Senhor,
chamados ministros de nosso Deus. Eu os recompensarei
por suas obras, segundo a verdade, e farei com eles uma
aliança perpétua. Sua descendência será conhecida entre as
nações, e seus filhos se fixarão no meio dos povos; quem os
vir há de reconhecê-los como descendentes abençoados por
Deus. Palavra do Senhor.

7.2 - Salmo responsorial 103 (104)
Refrão: Enviai o vosso Espírito, Senhor, e da terra toda a face renovai.

7.3 – Aclamação ao Evangelho

Com.: O evangelho é segundo Lucas. Jesus é o ungido de Deus. Nele todas as promessas se realizam.
Fiquemos todos em pé para aclamarmos o Santo Evangelho.

Evangelho (Lc 4, 16-22a)
P. O Senhor esteja convosco.
T. Ele está no meio de nós.
P. Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas.
T. Glória a vós, Senhor.

P. Naquele tempo, Jesus foi à cidade de Nazaré, onde se
tinha criado. Conforme seu costume, entrou na sinagoga no
sábado e levantou-se para fazer a leitura. Deram-lhe o livro
do profeta Isaías. Abrindo o livro, Jesus achou a passagem
em que está escrito: “O Espírito do Senhor está sobre mim,
porque ele me consagrou com a unção para anunciar a Boanova
aos pobres; enviou-me para proclamar a libertação dos
cativos e aos cegos a recuperação da vista; para libertar os
oprimidos e para proclamar um ano da graça do Senhor”.
Depois fechou o livro, entregou-o ao ajudante, e sentou-se.
Todos os que estavam na sinagoga tinham os olhos fixos
nele. Então começou a dizer-lhes: “Hoje se cumpriu esta
passagem da Escritura que acabastes de ouvir”.
Palavra da salvação.
T. Glória a vós, Senhor.

8 – Rito da Crisma

PADRE: Dom Luiz, aqui estão nossos irmãos que desejam receber o sacramento da Crisma.

BISPO: Muito me alegro e agradeço a Deus. De agora em diante, como cristãos adultos, como apóstolos, precisarão muito do vosso apoio. Acolhei-os mais profundamente em vossa comunidade de cristãos.

9 – Homilia ...

Com.: Toda a Comunidade é responsável por esses irmãos que hoje vão receber o sacramento da Crisma. Como a comunidade não pode acompanhar de perto cada um dos crismandos, essa missão é confiada aos padrinhos.

Com.: Os padrinhos queiram ficar em pé

BISPO: Caros Padrinhos, recebendo esses crismando como “afilhados, deveis ajudá-los para que assumam as responsabilidades de cristãos adultos na fé. Deste modo, sereis colaboradores desses novos apóstolos”.

PADRINHOS: Damos graças a Deus e pedimos que Ele sempre nos ajude nesta missão.

10 – Renovação das promessas do batismo

Com.: Neste momento os crismandos renovam suas promessas do batismo. Ao ascenderem suas velas no Círio Pascal mostram sua disposição para seguirem Cristo que é a Luz do mundo. Enquanto os crismandos vão tendo as velas acessas vamos cantar.

Canto...
Com. Os crismandos queiram ficar em pé.

BISPO: Queridos crismando, no dia do batismo foram os pais e os padrinhos de vocês que em seu lugar prometeram renunciar a tudo aquilo que impede o seguimento de Cristo. Hoje, são vocês mesmos que prometem romper com a maldade e seguir a Cristo no caminho do bem. Deste modo, vocês se declaram maduros e adultos na fé.

BISPO: Renunciam ao demônio e a todas as suas seduções?

CRISMANDOS: Renuncio!

BISPO: Renunciam a tudo o que desune e leva a oprimir os irmãos e irmãs?

CRISMANDOS: Renuncio!

BISPO: Vocês acreditam em Deus Pai, que fez tudo o que existe, que nos ama e deseja a felicidade de todos seus filhos e filhas?

CRISMANDOS: Creio!

BISPO: Vocês acreditam em Jesus Cristo, Deus Filho que se fez homem como nós, nasceu da Virgem Maria, sofreu e morreu para nos salvar, foi sepultado, ressuscitou dos mortos e subiu ao céu?

CRISMANDOS: Creio!

BISPO: Vocês acreditam em Deus Espírito Santo que mora em cada um de nós e vive presente atuando na Igreja?

CRISMANDOS: Creio!

BISPO: Vocês acreditam na Igreja que Jesus Cristo nos deixou e na missão de fazer com que todos sejam seus discípulos?

CRISMANDOS: Creio!

11 – Imposição das mãos

Com.: Neste momento o Bispo faz a oração pedindo a Deus que envie o seu espírito sobre os crismandos. Padrinhos e crismando fiquem em pé, o padrinho segura a vela com a mão esquerda e a mão direita coloca sobre o ombro do afilhado, acompanhando este momento de oração.

BISPO: Roguemos, caros irmãos e irmãs, a Deus Pai todo-poderoso, que derrame o Espírito Santo sobre estes seu filhos e filhas adotivos, já renascidos no Batismo para a vida eterna, a fim de confirmá-los pela riqueza dos seus dons e configura-los pela sua unção ao Cristo, Filho de Deus.

Todos rezam em silencio.

BISPO: Deus todo-poderoso, pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, pela água e pelo Espírito Santo, fizestes renascer estes vossos servos, libertando-os do pecado, enviai-lhes o Espírito Santo Paráclito; daí-lhes, Senhor, o espírito de sabedoria e inteligência, o espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de ciência e de piedade e enchi-os do espírito do vosso temor. P.C.N.S.
AS.: Amém!

12 – Unção do Crisma

Com. Na unção da Crisma o jovem é revestido, autorizado e consagrado para uma missão, à missão de Jesus Cristo. Para isso, o celebrante unge a fronte do crismando traçando o sinal da cruz. O crismando vai ao encontro do celebrante, acompanhado pelo padrinho que deve colocar a mão direita sobre o ombro do afilhado e com a esquerda segura a vela.

BISPO: Recebe por este sinal, o Espírito Santo, Dom de Deus!

CRISMANDO: Amém!

BISPO: A paz esteja contigo!

CRISMANDO: E contigo também!

Canto 1 -

13 – Oração da Assembléia

Com.: A cada pedido responderemos:

Senhor escutai a nossa prece.

14 - Liturgia Eucarística

Procissão das oferendas

Com. Podemos sentar e nos prepararmos para o ofertório, apresentando ao Senhor toda a nossa vida com tudo o que temos em nossos corações, e também a nossa oferta, cantado.

Oração sobre as oferendas:

BISPO: Acolhei, ó Pai, com o vosso Filho único, estes vossos filhos e filhas marcados com sua cruz e unção espiritual, para que, oferecendo-se sempre a vós com o Cristo, recebam cada vez mais o vosso Espírito. P.C.N.S.

AS.: Amém!

15 – Oração eucarística...

Santo:

16 – Rito de Comunhão

Pai nosso...

17 – Comunhão

Oração final:

BISPO: Oremos; Acompanhai, ó Deus, com a vossa benção, aquele que receberam a unção do Espírito Santo e foram nutridos pelo sacramento do vosso Filho, para que, superando todas as adversidades, alegrem a vossa Igreja por uma vida santa e a façam crescer no mundo por seu amor e suas obras. P.C.N.S.

AS.: Amém!

18 – Ato devovional (teremos)

19 - Benção final

20 – Canto final


Pe. Jairo Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário